mudando de assunto…

Tô na maior correria por conta das coisas prá viagem e tenho aproveitado muito cada minutinho que estou aqui prá ficar perto do Richard.  Tenho plena consciência que esse afastamento temporário vai ser bom prá nós dois por um monte de coisas, vai amadurecer nossa relação e que quando eu voltar vamos ter ainda mais certeza do amor que sentimos um pelo outro. Tenho realmente muita confiança que continuaremos fiéis aos nossos princípios mesmo estando longe e que não ia ser nada legal casar “devendo” isso prá mim. Além do que voltar falando inglês bem vai me ajudar na minha carreira e consequentemente no nosso futuro juntos.

Mas em todo o nosso namoro nós nunca ficamos nem uma semana afastados, nos vemos pelo menos todos os finais de semana e sempre sabemos e participamos da rotina do outro, e agora a ficha tá caindo que a viagem tá chegando, que vai ser td maravilhoso, mas serão seis meses longe dele! Nem sei se eu sei ficar esse tempo todo sem ele! 😦 Tenho certeza que em alguns momentos eu vou ligar prá ele como se ele estivesse alí pertinho prá resolver qualquer problema que eu tenha e prá contar da minha vida como se ele soubesse e conhecesse todas as coisas e pessoas com quem eu vou conviver.

Me dá uma dorzinha saber que vou conhecer um monte de lugares novos sem ele e eu sei que vou morrer de saudade então, enquanto eu tô aqui nós dois abolimos completamente o clima de despedida e a vida segue da melhor forma possível, aliás da forma que sempre foi…  eu não tô nem falando de dieta com ele e nem tô me privando de nada que ele queira fazer, acho que não é o  momento. Hoje passamos um dia assim como outro qualquer, último dia de férias dele e tomamos um choppinho no meio da tarde e comemos bolinho de bacalhau. Eu ADORO sentar prá tomar um chopp com ele!!! E como só tenho mais esse final de semana eu nem liguei de fazer isso em plena terça feira…  porque eu sei que disso eu vou sentir muita falta, mas muita mesmo!!! e daqui a seis meses tudo volta ao normal…

Então é isso, estou saindo prá correr mas no dia que ele tá aqui eu não me obrigo a isto (acho sinceramente que não é o momento), o tênnis que ele comprou ainda tá na caixa e pelo visto só vai sair de lá quando eu voltar, lá por novembro… rs…

As coisas aqui em casa estão mudando e quando eu voltar vai estar tudo diferente!  O bom é que isso vai movimentar a todos nós – à minha família, ao Richard, que com certeza vai continuar ligado à minha casa, e à mim mesma, que vou viver novas experiências por lá e por aqui também- e assim eu tenho certeza que as coisas vão passar com mais leveza… como um ciclo mesmo, e certamente vai ser bom prá todo mundo!!!

Disso eu não tenho dúvidas…

P.S: Desculpa o post nada a ver com RA mas é que eu agora sinceramente não tô muito nesse clima e tá chegando aquela hora que a ficha começa a cair que faltam menos de duas semanas prá eu embarcar… então achei melhor comentar isso aqui, tá complicado seguir uma rotina certinha porque eu sei que em breve vai tudo mudar…

amo demais!!!!

amo demais!!!!

Anúncios

atualizando…

Não sumi, não fui embora ainda,  e mesmo quando for vou continuar com o blog, não morri, não engordei, não tô jacando desesperadamente…

mas a minha vida se tornou um montanha russa e eu ainda tô no meio de um looping, bem lá em cima!!! Um monte de coisas acontecendo tudo ao mesmo tempo e agora, é SÓ por isso que eu não estou aparecendo por aqui…

mas eu juro que não desisti!!!

espalhando a boa notícia…

A minha vida tá uma correria danada, por um motivo mais do que justo e o mesmo motivo de eu não entrar na academia agora e de outras coisas que eu estava esperando que acontecesse e das mudanças que eu comentei aqui que estava esperando.

Agora já está mais do que na hora de contar, já está tudo certo então não vejo motivos para não falar. Até porque eu vou ser, de novo e mais uma vez a rainha das desculpas esfarrapadas para as minhas faltas na corrida e na alimentação.

Não estou correndo todos os dias, pois estou a mil resolvendo os últimos detalhes da minha mudança. Isso aí, no dia 04 de abril irei para os Estados Unidos. Vou estudar e trabalhar lá, inicialmente por um período de seis meses. Pesquisei muito e optei por um programa que pudesse estudar e trabalhar para me sustentar. Vou morar na Florida, em Orlando. Estudar na UCF, University of Central Florida e trabalhar na Disney.

Vai ser legal morar sozinha de novo, vou dividir apartamento com algumas pessoas, ainda não sei ao certo quantas, de várias nacionalidades. E tenho certeza que vai ser muito bom para os meus objetivos, principalmente de melhorar o meu inglês. Certamente passarei longe dos fast foods, já morei sozinha e sei muito bem que dá prá ter uma alimentação legal quando somos nós mesmos que fazemos a nossa comida e, ainda mais nos EUA, com um milhão e quinhentas opções lights e baratas.

Tenho certeza que essa experiência será maravilhosa também para o meu emagrecimento, porque eu estou precisando muito cuidar de mim sozinha e me sentir responsável por mim mesma para equilibrar as coisas na minha vida.

O ruim vai ser namorar à distância por um tempinho, mas tenho certeza absoluta que até para o meu namoro será ótimo passar por esta fase, assim certamente ficaremos mais fortalecidos. Não estou fazendo despedidas e na verdade, poucas pessoas sabem da minha mudança mas é por essas e outras que eu quero aproveitar esse mês aqui e estou aproveitando muito!!!

Se eu soubesse que esse pré embarque seria tão bom viajaria todo dia!!! Até mesmo em relação às corridas está sendo maravilhoso, porque eu certamente estou aprendendo aqui e poderei praticar lá… sem violência, sem ruas esburacadas e com um monte de tennis e roupas maneiríssimas e baratas prá comprar!!! Tá tudo ótimo!!! Até meu namorado se empolgou e comprou um tênnis novo prá correr também… melhor que isso, só dois disso!!!

chove chuva…

O calor tavabom mas realmente tava demais! Mas como eu não estou trabalhando nem tava me preocupando muito não, tava achando era bom mesmo, já que eu me animava mais prá emagrecer e a gula dimiuia. Mas agora, parece que tem frente fria (?) chegando, e eu só sei que hoje choveu o dia todo.

Conclusão: impossível sair de casa prá caminhar e correr. Fiquei chateada porque já tava imprimindo meu ritmo, mas foi só um dia. Não posso desanimar e amanhã estou novamente à ativa!!!

Hoje eu resolvi jantar e estou me sentindo um pouco pesada, mas de uma forma ou de outra era melhor jantar do que comer porcarias..

café: uma banana com mel

almoço: arroz, frango e salada

lanche: 2 bananas com mel e granola

jantar: arroz, bife acebolado e salada.

correndo, correndo, cada vez mais…

Ontem fiquei com preguiça de postar e tirando o fato de ter me dado aquela compulsão alimentar e eu ter comido quase um pacote de biscoito waffer, tudo aconteceu na mais completa normalidade.

Eu tinha um assunto a ser resolvido hoje e estava um pouco aflita em relação à isso, infelizmente continuarei aflita pois para o meu desespero não consegui solucionar, só adiar! Mas vai dar tudo certo, tenho certeza disso!!!

Quanto às minhas caminhadas/corridas sigo firme e forte na luta. E estou impressionada com a ligeira melhora do meu desempenho.  A gente diminuiu o intervalo entre as corridas e caminhadas  e tentamos aumentar o ritmo da corrida, aliás não o ritmo, mas a distância. Ficamos mortas, mas conseguimos no começo. Logo em seguida voltamos prá nossa meta inicial, mas hoje nós fomos e voltamos intecalando a caminhada com a corrida. Ou seja dos 5 km prá ir + 5km prá voltar, nós alternamos todo o percurso entre corrida e caminhada!!!

Estou muito feliz com isso!!! Muito mesmo!!! Eu sempre quis começar a correr mas sempre me cansava muito fácil. Perdia o fôlego e nunca foi tão fácil como o povo fala que simplesmente sai por aí e começa a correr! A técnica da respiração prá mim foi ótimo!!! É difícil explicar mas é algo mais ou menos assim, você dá duas “sopradas” mais altas e na mesma intensidade respira duas vezes. Duas sopradas e duas respiradas, duas sopradas e duas respiradas…  e por aí vai… daí você começa a correr no ritmo, inicialmente das suas “sopradas” e como elas são mais altas dá prá seguir um ritmo certinho nas passadas e consequentemente descobrir o seu ritmo e correr no seu tempo. E daqui a pouco você não vai mais precisar dar essas sopradas, porque vai saber qual o ritmo da sua respiração e conseguir seguir.

Corredores que, para a minha enorme felicidade, lêem esse blog, por favor desconsiderem o meu linguajar altamente amador e me corrijam se essa forma não estiver certa! Não é uma técnica patentiada e tal, foi a técnica que a Mayara me ensinou para me ajudar a começar a correr. Funciona prá ela e parece estar funcionando prá mim. Muito obrigada amiga!!!

Fabiana, muito obrigada por ter me falado para permanecer com as mãos abertas!!! Pareceu até milagre, mas as minhas mãos não incharam nadinha!!!

Estou muito feliz por estar conseguindo correr. Muito mesmo!!! Foi uma coisa que sempre quis e nunca conseguia. Pode parecer bobeira mas, sinceramente não é! Ainda mais que para essa superação eu não precisei necessariamente ir prá academia. Ainda mais que o dinheiro anda meio curto e essa estava sendo a minha maior desculpa. E a sensação que eu tenho quando acabo é maravilhosa, a mesma sensação que sentia depois de uma aula de sppining que eu também amo mas não estava fazendo.

É aquela sensação de dever cumprido junto com a sensação de superação. Não tem como explicar, mas eu tenho certeza que vocês sabem do que eu estou falando.  Só espero no futuro conseguir correr direto e superar a parte do cansaço inicial sem precisar parar de correr, como acontece na aula de RPM e chegar o momento em que eu só consiga prestar atenção em mim mesma.  E que de uma forma mágica, tudo saia da minha mente e eu só consiga sentir o meu corpo, não o peso do meu corpo, mas a sensação de liberdade, que é exatamente o que eu sentia lá pela música 5 ou 6 que pedalava!!!

E daqui a pouco esse dia vai chegar… estou muito feliz de sentir esse bem estar novamente e principalmente de ter conseguido isso através de algo que eu queria muito mas já estava julgando impossível…

Alimentação tá longe dos 100%. Ontem tomei tive que tomar café na padaria (pão francês com queijo minas e suco de laranja).  Hoje o café foi a mesma coisa, mas no lugar do suco de laranja tomei um suco de melancia.  Não consegui preparar o meu almoço, comemos de pensão nesses dois dias, então comi o que tinha, mas comi muita salada, o ruim foram as carnes, não tinha frango nem peixe…

Lanche da tarde eu dei uma exagerada como disse, ontem comi biscoito, hoje comi mais de uma barrinha de cereal, pão com requeijão e mixto quente com suco de maracujá com leite à noite…

Ainda me sinto muito inchada!!! Não por conta da corrida, nada disso, mas eu tô retendo muito líquido!!! Muito mesmo e mais que o normal…

Amanhã pretendo correr/caminhar também, quero que isto se torne rotina, pois estou gostando muito!!!

P.S: Jorge, tô doida prá você ler isso!

aprendendo a correr…

Essa semana estou cheia de coisas prá resolver e que estão se atrasando por motivos que vão além da minha alçada. Sabe quando você está doida prá resolver as coisas mas prá fazer a sua parte depende que o outro faça a parte dele antes? É exatamente isso que está acontecendo… mas enfim…

Tinha combinado com uma amiga de ir caminhar hoje à noite, mas ela tinha avisado que talvez teria um outro compromisso. Chamei uma outra amiga, que também não pode ir. Já era quase 20h qd a minha amiga liga e diz “vamos agora?”. A preguiça e o calor estavam me matando mas resolvi ir e não me arrependo.

Caminhamos por 5 km e na volta (+5km) resolvemos alternar com corridas. Pensei que não fosse aguentar mas ela foi me corrigindo e ensinou umas técnicas de respiração e pela primeira vez na minha vida consegui correr direito! Estou muito feliz e agradecida por isso e pretendo fazer isso regularmente. Não tão tarde, pq realmente fica bem perigoso, além de dar fome antes de dormir, mas só o fato de ter conseguido regular a respiração com a passada foi uma vitória prá mim.

Eu estou retendo muito líquido, como já havia falado aqui, então depois da corrida/ caminhada fiquei muito inchada. As palmas das minhas mãos estavam parecendo dois pães franceses!!!

Eu tô regulando a alimentação. Acordando cedo e principalmente, tomando café da manhã, mas como fui pega de surpresa com essa com essa corrida noturna acabei comendo mais que esperava durante a noite. A minha intenção era fazer a minha última refeição antes das 20h, mas depois da atividade física não tinha como não me alimentar.

a partir de amanhã  volto a colocar um relatório alimentar, não vou colocar hoje pro post não ficar muito grande… mas não saí da linha!!!!

Valeu a pena!!!

voltei!!! e um apelo…

dsc01377

Carnaval foi tudo de bom!!! Adorei! Me diverti horrores!!! Fomos de carro, viagem longa prá caramba, se fosse direto seriam quase 20 horas, mas paramos para dormir e descansar e recomeçar no dia seguinte.  Sendo assim, cheguei ontem, com muito calor, muito cansada e sem condições de escrever aqui.

E quanto aos exercícios na praia, aí gente, os únicos exercícios que fiz foram dançar na praia pagando o mico mór de imitar a lambaeróbica oficial do carnaval de Porto Seguro e correr atrás do trio elétrico….

Mas a minha viagem  me fez pensar e refletir no porquê da minha engorda fenomenal e do meu inchaço assim tão enoorrmmee- porque não querendo me redimir mas gente eu tô MUITO inchada e muito rápido e tudo bem que estou comendo errado, mas não é prá tanto!- e consegui chegar a uma conclusão do que pode ter mudado na minha vida e feito com que esse processo iniciasse e, graças à Deus, consegui chegar a uma conclusão que não havia chegado. O método anticoncepcional que eu venho utilizando e que na verdade NÃO é um método anticoncepcional é uma solução de emergência e eu estava usando com uma certa regularidade, o que também explica um monte de coisas que estou sentindo, principalmente uma dor nas pernas incrível que eu vinha atribuindo somente à falta de atividade física.

Eu não quero ficar me alongando aqui pois sei que estou super errada e agi com ignorância,  só  vou escrever porque pode ajudar alguém que venha fazendo a mesma coisa e acreditando que nada vai acontecer, pq nada acontece com a gente né?! Só com os outros! Então, NÃO usem pílula do dia seguinte com frequência!!! É muito ruim pro organismo e realmente pode acabar com a saúde da mulher, pílula do dia seguinte NÃO é um remédinho à toa, como uma aspirina que você toma quando “acha” que pode ficar com dor de cabeça!

Pílula do dia seguinte NÃO é método anticoncepcional!!!

Sei que estou me expondo ainda mais falando isso, e que normalmente não falaria, mas da mesma maneira que eu fiz outras amigas também fazem achando que isso não acontece com a gente…

A minha semana começou agitada, graças à Deus, e o meu sono tá mais regulado. Hoje fiz as minhas refeições direitinho e tomei sopa no final da noite.

Tive que resolver umas coisas e não fui procurar uma academia hoje, como havia me programado.  Estou tendo que resolver muitas coisas pendentes que caíram em cima de mim logo que cheguei..  O bom é que estou ocupada!!!