Ansiedade.. mas por que?!?! Eu sei que vai dar tudo certo!

Bom, agora faltam 13 dias prá eu voltar pro Brasil, é muito estranho o que eu estou sentindo, uma sensação muito esquisita. Uma ansiedade misturada com um medo, não pensei que fosse me sentir assim, pois estou reclamando de viver longe já tem um tempo. Mas parece que quanto mais perto vai chegando do dia de voltar vai caindo a ficha que lá não é mais o paraíso distante e que eu deixei um monte de problema, inclusive, por lá. Eu amo todas as pessoas que deixei e quero muito rever a todos, mas agora, nessa reta final está me dando vontade de ficar mais tempo por aqui, na verdade não sei bem se é mesmo isso que eu quero até porque eu nem tenho como ficar por aqui, mas querendo ou não a minha vida mudou neste lugar e é impressionate como a gente acaba se acostumando com as outras. Eu tenho uma rotina aqui, e isso nunca mais vai voltar.

Estou com saudade de comer direito, da academia, do almoço, de tudo, mas agora a ficha está caindo que eu venho tentando, tentando emagrecer já fazem dois anos e a minha vida por lá não é nada perfeita e não consegui ser disciplinada o suficiente. O mesmo medo e angústia que me davam antes de vir. a vontade de não falar sobre o assunto de deixar as malas prá arrumar de última hora, de não querer esperar muita coisa mas já esperando, a mesma sensação,é isso que eu sinto neste momento.

É estranho demais imaginar sair daqui e “nunca mais voltar”. Isso aqui é extremamente familiar prá mim agora, é um lugar que eu gostaria de voltar com as pessoas que eu amo sempre que quiser. É estranho pensar que não vou mais pensar o que fazer nos meus dias off, que não vou mais reclamar da comida daqui, que não vou mais ouvir inglês e que ninguém mais vai olhar prá mim e, antes de eu abrir a boca começar a falar em espanhol, e que eu não vou mais ficar muito puta com isso… Que eu não vou mais poder juntar meu dinheiro, pegar hora extra, fazer lista do que eu quero comprar, ir no outllet, reclamar do meu cabelo horroroso e da minha unha sem fazer…

E quando eu chegar? A responsabilidade será maior. Eu agora não posso mais dar desculpas, uma lição eu com certeza aprendi aqui, por mais difícil que possa parecer siga em frente. Eu quis voltar, quis desistir, quis ir embora, mas eu simplesmente não podia voltar atrás, e também não queria isso, então por mais difícil, é um desafio prá mim! E eu não vejo a hora de ser um desafio vencido.

Eu simplesmente não posso mais deixar os meus desafios prá depois, ver impecilhos e não seguir em frente.

É estranho! Mas eu tenho que seguir em frente em tudo que eu propor, e eu tenho certeza que a sensação do dever cumprido, de ter vencido meus desafios superará qualquer medo. Mas o mais estranho é que parece que não acabou, eu sem querer ainda faço planos prá vida aqui. Planos bestas, sem querer me pego planejando ir a um jogo de Baiseball, marcando coisas para o inverno e depois eu lembro que não vou mais estar aqui, é como um estalo. Planejo como tenho planejado durante esses seis meses, trabalhar para comprar alguma coisa que preciso, coisas assim e de repente eu vejo que vou embora daqui a DUAS SEXTAS FEIRAS.

Nunca fui a melhor amiga das minhas roomates, mas é estranho pensar que daqui a duas sextas feiras eu NUNCA mais vou vê-las. Simplesmente porque eu vou pro Brasil, uma vai prá Alemanha e a outra prá Tailandia e fim, nunca mais verei essas pessoas que eu converso todo dia, pergunto como foi o dia e reclamo das festinhas e das panelas que elas não lavam.  É TUDO muito esquisito!!!

Chego a conclusão que não mais farei planos e que SIM, tudo que planejei para a minha volta ao Brasil irá acontecer porque EU TENHO força o suficiente para vencer os meus obstáculos!

E eis que entramos no assunto do blog… Estou com muito pouco dinheiro depois que voltei de NY, eu fiquei praticamente quatro semanas sem receber quase nada porque tive que pagar o meu aluguel então eu não tenho como ir no Wal Mart e fazer as compras saudáveis. E nem tenho tempo prá comer saudavelmente. Parei de comer chocolate igual tava comendo e deixei alguns hábitos americanos que eu estava adquirindo prá trás. E estou comendo o que tem MESMO. Tenho vergonha absoluta de falar isto mas é a pura verdade, tenho comido só o que tem então essa semana eu me empanturrei de biscoito Oreo e snacks com barbecue sauce e honey moustard. Sei que isso é péssimo mas eu to muito sem grana mesmo e nem quero ficar comprando coisa prá deixar aqui prá jogar fora.  Não tenho comido biscoito Oreo e snacks por gula não, é por fome mesmo!

Ahh também faço muito macarrão aqui, como com frequência com frango, aliás peito de frango também faz parte da minha alimentação por aqui. Além de tomar café quase o tempo todo, hábito que eu não tinha e mascar chiclete o tempo todo, mas aí eu continuo com o Trident então pelo menos nessa parte eu fico sem o açucar!

É péssimo eu sei, mas de manhã eu só tomo um café com leite no restaurante que trabalho e depois vou comendo o que dá, mas não tenho feito comida prá levar pro trabalho..  Ahh e também como muita granola com leite.. É basicamente isto a minha alimentação por aqui e vai continuar sendo nas próximas duas semanas, só não vou mais comer biscoito porque não vou mais comprar. E por enquanto é isso…

Quando chegar no Brasil o desafio continua…  já tenho algumas metas para até o fim do ano, e certamente disciplina e cuidado comigo são as metas principais, além do excelente trabalho que tenho certeza que irei conseguir, pois já estou atraindo tudo isso para mim!!!

E agora, na reta final, eu só tenho vontade de agradecer por estar vivendo tudo isto, foi/está sendo um aprendizado inigualável para mim e isso não tem preço…

Contando os dias prá voltar pro Brasil

Voltei ontem de NY! Foi tudo mais que perfeito, conheci lugares maravilhosos, fui na Broadway, foi tudo um sonho, adorei cada momento e me senti extremamente inserida em tudo por lá. Não pensei na dieta e odiei as minhas fotos, taí um motivo a mais prá emagrecer e um motivo a mais prá voltar a NY. Quero fotos MAGRA em NEW YORK!

Esse ano está sendo maravilhoso prá mim, está dando tudo mais que certo e tirando a saudade monstra do meu amor está tudo saindo melhor do que eu imaginava. Até minhas reclamações serviram prá melhorar e agora que está acabando o meu tempo aqui eu vejo que o intercâmbio me ensinou muito e muito vem me ensinando. Agora começo a entender o que todo mundo fala em relação à intercâmbio e mesmo reclamando e passando por situações extremamentes difíceis no final fica tudo maravilhoso.

E continuo com as minhas metas para esse ano e emagrecer está no topo da lista. Mas fiquei duas semanas sem trabalhar e tenho que pagar dois alugueis seguidos descontados na minha folha de pagamento, então tô sem grana prá fazer compra e sem cabeça prá pensar em cozinhar, até pq aqui em casa tá td uma zona mas eu nem me importo mais com bagunça de roomate folgada. Então tô comendo só snacks por duas semanas e qd eu voltar pro Brasil eu vejo o que eu faço…

Eu sei que o blog não é prá isso mas não tinha como não dizer o quanto estou feliz!!!!

e agora a próxima parada é o Brasil, dia 03 de outubro eu tô chegando e dia 03 de outubro está chegando!!!!

Desculpa por não postar sobre alimentação, mas está sendo tudo tão perfeito que acho que vou até emagrecer por tabela… hahaauhauhuauha

TÔ VOLTAAANNDDOOO!!!!

E agora começa a ficar bom!!!

Ahhh desculpa aí vai?! Sei que o blog é de alimentação mas tenho que falar sobre algumas coisas que não tem muito a ver com o tema por dois motivos, primeiro que o blog é sobre saúde tb e segundo que o blog é meu e, se eu deixar prá depois vai parecer que eu sumi do nada e depois fiquei dando desculpas esfarrapadas prá não ter emagrecido.

Faltando dois meses prá terminar meu intercâmbio eu resolvi que vou sair daqui com os meus objetivos atingidos e tinha resolvido mesmo que não ia mais andar com a  brasileirada. Nada contra, mesmo, mas é que tava baixando o meu astral, muita fofoquinha, briguinha e eu tava quase regredindo aos meus 15 anos e ainda por cima tava emperrando o meu inglês. Eu sentia que quando tinha algum brasileiro por perto eu dava uma travada ainda maior, e pior, ficava quieta e acabava deixando que a outra pessoa falasse por mim e isso não é bom, não foi o que eu vim buscar. E eu comecei a perceber que os americanos/europeus/latinos/asiáticos/etc gostavam da minha companhia e de conversar comigo mesmo o meu inglês não sendo bom, então por esses e outros motivos eu resolvi me afastar dos brasileiros do meu programa de intercâmbio.

E conscidência ou não meu celular daqui caiu na água e eu ainda perdi o chip. Então resolvi simplesmente não comprar outro e ficar sem celular até comprar o que eu quero prá levar pro Brasil. E isso foi a melhor coisa que aconteceu! Agora eu não tenho nem como ter recaídas e não tenho nem com quem conversar em português, então eu sou obrigada a falar inglês o tempo todo e não posso ficar quieta ou mudar a minha personalidade, então sinto que estou bem mais tranquila e mais relaxada com o meu inglês e consigo me expressar e bater papo sobre qualquer coisa com todas as pessoas do meu trabalho. Parece bobeira mas tô bem feliz por isso, agora eu entendo as piadas, eu reclamo da vida, eu simplesmente sou eu mesma e consigo me expressar. Eu agora no final do dia, super cansada consigo pensar em inglês, e mesmo que o meu vocabulário não seja aquela maravilha eu não tenho mais vergonha de perguntar o que eu não sei.

E agora faltando um pouquinho mais de um mês prá ir embora eu sinto que os meus objetivos vêem sendo alcançados e estou MUITO feliz por isso! Muito mesmo! E por isso, muitas vezes eu nem me cobro mais tanto em relação ao peso, (não agora!) e sinceramente, aprendi que o segredo é não me cobrar tanto assim e deixar as coisas fluírem. Me cuidar mais e mudar meus hábitos e a minha relação com a comida foram resoluções que fiz prá esse ano, assim como morar fora e melhorar o inglês, e esse ano ainda tá na metade e eu tenho mais um mês de Estados Unidos pela frente e resolvi ir por partes e riscar um ítem de cada vez da minha lista.

Aqui é complicado de fazer as unhas, cabelo, essas coisas básicas. Eu não tenho o dom de saber fazer minhas unhas e ando muito mal arrumada por conta do trabalho- prá ser mais exata com um uniforme de baiseball que é o tema da lanchonete onde estou trabalhando agora- então acho que não tem cabimento nenhum ficar me culpando por não estar fazendo escova e pelo meu cabelo estar com três cores diferentes, isso eu resolvo rapidinho quando eu voltar pro Brasil!

Tá complicado prá mim correr todos os dias, eu vou quando dá na academia do condomínio q não é lá essas coisas. Eu moro em Lake Buena Vista, trabalho na Disney e NÃO tenho carro, aqui é muito perto de Orlando mas ao mesmo tempo é tudo muito longe, não dá prá ter uma vida paralela quando se estuda e se trabalha na Disney, durante seis meses a minha vida está sendo só Mickey, Magical Moments e etc, mas eu me informo, vejo TV e leio e procuro não ficar bitolada nessa história de Disney o tempo todo. Mas mesmo assim é inevitável que eu converse sobre parques e sobre trabalho, que eu saiba a localização das melhores atrações e que a Cinderela e  Princesa Aurora sejam minhas amigas íntimas agora!

Mas enfim, eu estou agora muito feliz que meus amigos virão passar uns dias aqui em Orlando e eu vou sair do meu mundinho, vou passear um pouco e não vou trabalhar por 10 dias! Depois de mais um tempinho eu vou prá NY por seis dias e depois de mais um pouquinho eu volto pro Brasil! E eu sei que preciso emagrecer, que preciso me cuidar mas essa viagem está servindo acima de tudo, prá eu me conhecer e saber em que eu tenho que mudar ou melhorar. Estou aprendendo muito a gostar de mim e a aceitar certas limitações que eu tenho e acima de tudo, trabalhar os meus pontos fracos. Está sendo ótimo prá me conhecer melhor e prá saber, principalmente que eu não posso ser dependente de pessoas, tenho que saber conviver comigo mesma e estar bem assim!

E por aí vai… uma coisa de cada vez…

Post enoooorrmmmee! Mas eu realmente preciso muito falar dos meus sentimentos nesse lugar, pq sem desculpas, se eu não emagreci nesses seis meses, não foi mesmo, por falta de vergonha na cara.. eu ganhei e venho ganhando, muito mais coisas nesse lugar do que alguns quilos, que por sinal eu nem ganhei… eu continuo gorda da mesma forma, não engordei….

Uma coisa de cada vez….

Daqui de longe…

Ah gente.. resolvi focar aqui mais no ingles mesmo, nao que eu tenha desistido do meu projeto de emagrecimento, mas eu nao estou muito bem nesse lugar. Na verdade nao consegui me adaptar at’e hj, tah bem dificil prah mim.

Nesse meio tempo que eu to aqui ainda nasceu o Lucas, a crianca mais linda do mundo, e meu sobrinho l’a no Brasil e a saudade de tudo tah muito grande..

Agora eu conto os dias prah voltar, to focando no que eu vim buscar e espero do fundo do meu coracao que de tudo certo pq qd eu voltar eu volto arrasante e trabalhando pra caramba!!!

Eu fiquei duas semanas sem comer carboidrato, nao adiantou nada, senti que ainda tava engordando..  Estou parecendo uma tia gorda de 239 anos, nao gosto de foto nenhuma minha.. mas isso nao vem a ser uma novidade…

Descobri que a vida longe de quem eu amo nao tem o menor sentido prah mim.. 

E tem algumas coisas aqui q nao tem como se privar.. almo’co com os personagens da Disney por 15 dolares, comemorar o aniversario de alguem em um restaurante bom… Enfim..

Minha auto- estima tah no pe e vcs nao tem nocao de como eu sinto falta da minha vida no Brasil!!! Minha academia, minha manicure, minha cabeleireira, minha depiladora… e com certeza das pessoas que eu amo.. do meu namorado entao… meu Deus do Ceu.. como tah dificil!!!

Tah dificil conviver com pessoas dificeis de outros paises na mesma casa.. no mesmo quarto entao, tah impossivel..  Divido quarto com uma americana folgada pra caramba e tem dois meses que eu nao consigo dormir pq ela eh altamente escandalosa.. Nem falar no skype ela me “deixa”… Tah muito dificil!!!!

Esta sendo um ano de muito crescimento, de muito amadurecimento… com certeza… mas eu precisei vir muito longe pra saber que o que eu realmente amo e preciso estah muito perto de mim.. pelo menos estava, e daqui ha muito pouco tempo voltarah a estar..

Agora tem um bebe fofo e lindo na minha casa, meu primeiro sobrinho que eu nao vi nascendo e nao estou curtindo essa fase pequetitita dele… Ainda bem que existe web cam pelo menos… mas muitas vezes me pergunto se isso vale a pena…

 

Desculpa mesmo a falta de atualizacao e o post depressivo… ms tah muito dificil prah mim!!!! Minha auto estima de verdade, tah lah em baixo.. e aqui vejo tanta, mas tanta gente gorda e mal cuidada que eu preciso muito me esforcar prah focar no que eu quero…

 

Mas falta pouco (?!?!), no dia 02 de outubro eu to chegando… e por enquanto vou aproveitar pra treinar meu ingles e melhorar pq to precisando…

 

Voltando pro mundo blogu’istico neh.. tava tomando Hoodia e depois desisti pq achei q nao tava fazendo efeito.. ms ele faz efeito sim, pq eh impressionante como eu nao tinha vontade nenhuma de comer doce qd tomava.. e depois do pagamento dessa semana vou ver se eu compro Alli.. eh uma versao aprovada pelo ministerio da saude americano do Xenical.. pq se eu engordar mais aqui eu volto pro Brasil rolando neh!!?!?!?

 

Assim que eu tomar o Alli eu volto aqui pra contar.. e tava meio pra baixo com td essa situacao. ainda tive um probleminha de saude e parei de correr.. mas agora comprei meu mega blaster, ultra, super Ipod e vou comecar de novo!!!!

 

Desculpem pela falta de resultados!!!! Desculpa messsmmoooo… mas eu preciso mudar meu estilo de vida muito mais do que fazer um regime… e uso o blog pra isso!!!

E tenho certeza que depois dessas experiencias nesse periodo de 6 meses muita coisa esta mudando em mim.. muita coisa mesmo.. eu nunca pensei que fosse descobrir tanto sobre mim em um periodo tao curto e tao longo ao mesmo tempo….

 

Saudade!!!

Me amando mais a cada dia!

Bom desde que c0mecei a dieta de Sonoma minha alimentação tem sido a base de granola e proteínas. Confesso que saí da dieta no sábado, fui no Planet Hollywood e comi um sanduíche muito bom. Sem dúvida o melhor cheeseburguer que já comi na vida! Nem me culpo porque foi bom demais!!! E também não iria ficar em casa sozinha e deprimida e nem ia perder essa oportunidade, que com certeza não se repetirá todo final de semana. Bom, mas isso foi no sábado à noite e, de resto eu me controlei legal.  E estou me sentindo muito bem e muito disposta.

Não me culpo mais, porque antes de tudo eu tenho que me respeitar e me amar e no amor não há lugar para culpas,  e sim senso de responsabilidade. Lógico que eu não vou ficar sem comer carboidratos prá sempre, mas não vou me odiar por ter comido um final de semana em  um lugar super legal. Então estava marcado para acabar a primeira fase no dia 24 de maio e eu irei estendê-la por mais 5 dias. Não sei se é a mesma coisa, mas acredito que dará certo.

Hoje eu fiz 20 minutos de transport e corri 15 minutos na esteira. Nunca tinha conseguido correr 15 minutos direto! Prá mim foi uma super vitória, estou muito feliz e tenho certeza que ficarei ainda mais feliz com os resultados desse maior cuidado e carinho comigo mesma. Estou preparando a minha comida com muita atenção e tem ficado muito gostosa! Como já disse faço um mixer de legumes com cebola e uma proteína. Ontem coloquei peito de perú e ficou uma delícia! Certamente vale a pena experimentar!

Estou muito mais disposta, não sinto mais aquela compulsão louca por doces e tenho dormido melhor. Eu acho que isso se deve também aos vegetais. Estou adorando essa reeeducação alimentar, pretendo continuar com esse plano alimentar, pelo menos, até ir embora pro Brasil. Aí depois eu pretendo readaptar para a minha realidade lá, o que é perfeitamente possível!

ê saudade que bate no meu coração!!!

Ohh meu Deus como eu quis estar aqui aonde eu estou, como eu sonhei com esse dia por tantos anos e agora está tudo acontecendo! Eu sabia desde o princípio que aqui é prá aprender inglês, é prá conhecer uma outra cultura, prá ver de perto um modo de vida que a gente vê nos filmes e parece que nem existe. Como eu quis e como eu sonhei  estar aqui..

E desde a hora que eu entrei no avião eu sinto uma saudade tão imensa que nem eu mesmo estou me entendendo.. Eu sabia que seria difícil e sei que eu tenho que viver os meus dias aqui e que curtir aqui, mas a saudade a cada dia que passa  aperta mais.. mas vai passar, porque aqui tem muita coisa boa acontecendo e vai ser imensamente bom prá mim e principalmente para os meus objetivos profissionais no Brasil. E são seis meses super diferentes que não voltam nunca mais e eu tenho que viver esse momento!

E agora eu tô controlando mais a alimentação.. fazendo comida em casa todos os dias e procurando comer coisas mais saudáveis. Lógico que às vezes é meio complicado pelo horário, mas mesmo assim estou me controlando. Hoje eu fiz 20 minutos de caminhada na esteira, corri 5 minutos e fiz eliptico por mais 20 minutos. Vou fazer isso todos os dias, ou pelo menos com mais frequencia.

Hoje aconteceram algumas coisas meio tristes aqui de manhã e esqueci de levar o meu sanduiche pro trabalho. De manhã comi um sanduiche de uma metade de páo de forma com cream cheese e peito de peru e tomei suco de laranja.. À tarde tomei um Nescau gelado e depois fui fazer meus exercícios. Cheguei meio cansada, minhas roomates estavam na cozinha então peguei o sanduiche que esqueci de levar pro trabalho e comi. E depois comi – abafa- quase um pacote inteiro de Pringles…  é, a festa dos carboidratos e da gordura trans again. Mas os carboidratos sempre fazem a festa nesse lugar…

como assim que um pacotinho de peito de frango é cinco dólares???? como assim??? o que eles tem contra as proteínas????? esqueci de comprar Cottage, disseram que daqui é bom e eu quero experimentar…

aprendendo a comprar comida por aqui…

Eu não trouxe a minha máquina e ela tá me fazendo uma super falta por aqui, estou doida prá tirar fotinhas e colocar por aqui. Bom, eu já estou me adaptando e gostando de ficar por aqui, tem um monte de coisas não tão boas quanto eu eserava e a saudade ainda tá pegando, mas agora eu estou conhecendo mais lugares, comprando coisinhas bem baratas e me adaptando melhor aos meus horários malucos e à comida.

Eu cozinho meu almoço então estou comendo quase todo dia peito de frango, arroz e salada mas não no mesmo horário o que acaba complicando a minha vida. Estou fazendo meia hora de aeróbicos (esteira e elíptico). Ainda não consegui ir todos os dias, mas estou indo com mais regularidade, hoje mesmo não fui mas quando meus horários me permitem eu estou indo. Coloquei na minha cabeça que não vou ficar gastando muito dinheiro com comida aqui, até pq como eu já havia falado, o  supermercado aqui parece uma eterna sessão de besteiras, mas agora já estou conhecendo melhor as coisas e comprando coisas bem parecidas com as que vendem no Brasil. Só os sucos aqui, que infelizmente, são todos artificiais, mas até que não é tão ruim.

Tenho comido bastante uva, maçã e uma laranja que se descasca com a mão igual mexerica, muito gostosa mesmo. De vez em quando ainda como umas porcarias, principalmente quando chego do trabalho ou da rua bem tarde e fico com preguiça de preparar o almoço ou não tenho vontade de preparar um lanche. Mas isso era resquício da minha compra anterior, nas minhas próximas compras pretendo não mais comprar Pringles ou chocolate. A tpm bateu pesado aqui esse mês e eu estou lutando contra a vontade de comer doces.

Estou me sentindo bem ativa, mas me sinto gorda demais! E também estou perdendo o fôlego constantemente, por isso eu tenho que intensificar os meus aeróbicos e quanto à musculação, o condomínio é bem longe de tudo e na academia de dentro do condomínio só tem aparelhos prá braço. Vou me concentrar seriamente em perder peso enquanto estiver aqui e a partir da minha próxima compra venho postar o que eu tenho comprado. Agora acredito que as coisas estão se ajeitando, até porque eu vou estabelecendo uma rotina…

É isso, aprendendo a fazer compras de qualidade e bom preço eu não preciso comer igual aos americanos. Posso ter hábitos mais “normais”  de alimentação mesmo estando por aqui…

E o melhor da história é que eu junto o meu dinheiro prá fazer compras realmente úteis!!! Pretendo botar meu guarda-roupa abaixo quando voltar pro Brasil! E a partir dessa semana consegui economizar e começar a comprar as roupas que eu quero…  Em breve vou estar com máquina aqui e vou passar a fotografar as coisas que tenho comido…

Agora só preciso aprender a me pesar nesse lugar!!! E comprar uma balança, além do óculos, perfume, Ipod, etc… hauhauhauahuhahau